Rape my Soul

By Cleber Eldridge - 13:00

O corpo dele me assustava, deixava o meu corpo todo travado, aquele sorriso me assustava, deixava meu corpo todo travado, aquela voz me assustava, me deixava todo arrepiado, era assim que eu me sentia quando aquele garoto que estava sempre sem camisa nas ruas do bairro, se aproximava de mim, não demorou muito, logo estávamos na cama, o garoto era um estúpido que me encantava, não sei como isso funciona, é aquela coisa que alguém te puxa os cabelos da nuca, te chama de nomes que eu não escreveria, não te vira com delicadeza, o que eu sentia naquele garoto não era nada mais do que tesão, nada mais do que isso, eu não queria acordar ao lado dele, não queria apresentar ele para a minha família, não era aquele cara que eu queria dar o primeiro abraço do ano, não era nada disso, eu só queria ele sem roupa na minha cama todas as noites, que ele fosse embora quando o dia ficasse claro, eu queria ele porque ele me deixa mole, me deixa molhado, porque minha vida é um inferno e transar com ele me relaxa, eu transei com ele porque não espero ouvir promessas, não espero ouvir carinhos, sem espero ouvir futuro, só o que eu queria era sentir aquele ardor no corpo e na alma, e como ele voltava toda santa noite, é porque ele estava sentindo a mesma coisa que eu, ou não?

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários